milf porn video


milf Vídeos pornográficos Olá, sou a Selma. Sou uma senhora excitada de 41 anos com um Corpo Rechonchudo, Mamas grandes, rabo grande e muito apaixonada por sexo. Por isso, sou uma dona de casa espirituosa. Agora sou casado. O meu marido também é um cabrão muito excitado. Temos um casamento feliz com ele. Caros amigos, por uma razão que não posso escrever aqui, passei 9 anos na prisão (como podem compreender, não quero dar o local e o nome da prisão onde estive encarcerado!). Para ser sincero, quando fui para a prisão, pensei em como poderia sobreviver todos estes anos sem sexo, sem pilas e sem Homens. Mas depois vi que, na ala das nossas mulheres, não há limites para o sexo e para a foda. Tive uma vida sexual muito mais colorida na prisão do que na aldeia. Antes de eu ir para a prisão, só o tipo que se tornaria o meu primeiro marido me fodia na aldeia. Seu pênis também não era grande o suficiente para me alimentar. Mas uma vez lá dentro, eu estava a foder confortavelmente os nossos guardas masculinos. É claro que nem todas as mulheres e raparigas condenadas eram assim. Eu era um daqueles que tinha uma boa relação com a administração, se dava bem com todos na ala e fazia as mulheres como elas. Uma vez que há muitos guardas masculinos na prisão onde fiquei, gostamos de pilas de pilas para nos fodermos. Também estávamos a fazer sexo casual com as mulheres da ala. Além disso, todas as mulheres, incluindo eu, tinham uma garrafa. Nos dias de banho, todos levavam consigo a garrafa e o pepino. Lavámo-nos uns aos outros na casa de banho, barbeámo-nos uns aos outros, enfiámo-nos uns aos outros com garrafas e pepinos. Algumas mulheres, meninas, como punição, não fodiam com guardas do sexo masculino. Eles também enfiariam garrafas em si mesmos por falta de pau. Costumávamos usar uma garrafa de coca-cola de vidro. Certa vez, uma novata deitada no beliche ao meu lado enfiou um pepino no cu na cama à noite por luxúria. E quando o pepino ficou um pouco pequeno, entrou no rabo dela e nunca mais saiu. A rapariga também estava assustada, acordou – me à noite e disse: “Mana, vou dizer-te uma coisa…”e expliquei a situação, e tive dores de estômago ao rir. E então ele a levou ao banheiro, ajudou-a a tirar o pepino de sua bunda, e então eu aconselhei a garota: “olha, garota, compre uma Coca amanhã, beba com prazer, fique com a garrafa. Enquanto ficar aqui, essa garrafa será o seu homem mais leal, cabrão, marido! Está tudo bem?”porque. A rapariga disse: “Está bem, mana!”ele fez o que eu disse no dia seguinte. Tivemos uma vida sexual muito colorida na prisão. Costumávamos jogar jogos sexuais diferentes com amigos na enfermaria. Por exemplo, uma vez que recolhemos dinheiro entre nós e fizemos com que trouxéssemos um vibrador de estrado de cintura de fora. Nós nos reuníamos entre nós, jogávamos o jogo do casamento, combinávamos marido e mulher, “garota chamariz, você é o marido de Selma. Fatma, és o marido do Meltem…”etc etc. Então nos decoraríamos, casamentos especiais seriam celebrados, e então seria hora da noite de núpcias. Ele reservava um dos beliches para o casamento, e ficávamos em frente a ele e observávamos um de nós a crepitar e a foder o outro. Durante estas orgias sexuais, o nosso limite não seria tabu. Às vezes eu seria um maldito homem, às vezes eu seria um maldito avrad. Todos teriam a sua própria fantasia. Algumas mulheres que estavam sem um homem há anos expressavam facilmente seus sentimentos internos: “Ohh Selma, vamos lá, foda-se aquela garota tudo bem!”um deles diria, e o outro diria:” vou foder, vou foder a Cona desta rapariga!”ele diria. Nunca esquecerei, segundo nós, que tínhamos uma irmã mais velha, Aylin, que estava quieta, calma, parecia honesta, vestida casualmente. Uma vez que mal a convencemos a juntar-se a nós nesta orgia sexual, e escolhemos alguém entre nós e fizemos dela Dezembro. A irmã Aylin começou timidamente a fazer amor e logo desmaiou enquanto era fodida crepitando e dizendo: “Ohhhh! Vá lá, meu, que se lixe a tua tia!”ele não diria! Todos nos surpreendemos e rimos. Mais tarde, descobrimos que esta mazbut Aylin, nossa irmã, ficou viúva ainda jovem e deu-lhe a nora várias vezes por despeito quando entrou na adolescência. O que ela deve fazer com sua nora, há uma bunda de buceta pronta para ser fodida, Aylin fodeu nossa irmã muitas vezes. Depois daquele dia, as meninas da ala disseram à irmã Aylin: “irmã Aylin, diga-me, o seu marido era mais velho ou a sua sogra?”eles continuaram saindo. A irmã mais velha, a líder da nossa ala, era uma mulher chamada Derya, que se aproximava dos cinquenta, tinha uma tatuagem por todo o lado, Mamas grandes, rabo grande, trabalhava há anos num bordel. Havia raparigas que esta irmã Derya trabalhava como cabras lá fora. Ele também escolheu mulheres para foder da ala para os guardas. Graças a ele, ele me amava muito, sempre que eu queria um pau vivo, ele me encontrava um guarda masculino, me fodia. Ele foi questionado sobre tudo na ala. Todos tinham uma distribuição de Tarefas. Quem fosse indisciplinado e desobedecesse, a irmã Derya puniria. Normalmente, as meninas recém-chegadas que não conheciam a ordem da prisão, as mulheres eram punidas. As punições dadas pela irmã Derya sempre foram sexualmente explícitas, relacionadas ao sexo. Que mentira eu diria, eu estaria presente durante a implementação dessas punições, eu contribuiria para a irmã Derya à minha maneira, eu iria gostar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

© 2024 Bei handelt es sich um einen kostenlosen Hostingservice für Pornofilme. Du kannst dir ein verifiziertes Benutzerkonto erstellen, um auf unsere Website Pornofilme in verschiedenen Formaten hochzuladen. Jedes Pornofilm, das du hochlädst, wird in maximal 5 Arbeitstagen bearbeitet. Du kannst außerdem unseren Einbettungscode verwenden, um unsere Pornofilme auf anderen Websites zu teilen. Auf wirst du außerdem exklusive Pornoproduktionen finden, die von uns selbst gedreht wurden. Durchstöbere all unsere Sexkategorien und entscheide dich für deinen Favoriten: Amateur-Pornovideos, Analsex, Große Ärsche, Freundinnen, Blondinen, Brünetten, etc. In den entsprechenden Rubriken auf unserer Website sind außerdem auch Pornofilme zum Thema Gays und Shemales zu finden. Das Anschauen der Pornofilme ist vollkommen gratis! offre un servizio gratuito di hosting per video porno. Puoi creare il tuo account utente verificato per caricare video porno sul nostro sito in diversi formati. Ogni video che caricherai verrà gestito entro 5 giorni lavorativi. Puoi anche usare il nostro codice embed per condividere i video su altri siti. Su troverai anche produzioni porno esclusive girate da noi. Naviga liberamente fra le sezioni categorizzate di sesso e scegli la tua preferita: amatoriale, anal, culone, fidanzate, bionde, more, ecc… Potrai anche trovare porno gay e video porno trans nelle rispettive sezioni del nostro sito. Tutti i video porno sono visibili gratuitamente! mobile-3 mobile-4 mobile-5 mobile-6 mobile-7 mobile-8 mobile-9 mobile-10 mobile-11 mobile-12 mobile-13 mobile-14 mobile-15 mobile-16 mobile-17 mobile-18 mobile-19 mobile-20 mobile-21 mobile-22 mobile-23 mobile-24 mobile-25 mobile-26 mobile-27 mobile-28 mobile-29 mobile-30 mobile-31 mobile-32 mobile-33 mobile-34 mobile-35 mobile-36 mobile-37 mobile-38 mobile-39 mobile-40 mobile-41 mobile-42 mobile-43 mobile-44 mobile-45 mobile-46 mobile-47 mobile-48 mobile-49 mobile-50 mobile-51 mobile-52 mobile-53 mobile-54 mobile-55 mobile-56 mobile-57 mobile-58 mobile-59 mobile-60 mobile-61 mobile-62 mobile-63 mobile-64 mobile-65 mobile-66 mobile-67 mobile-68 mobile-69 mobile-70 mobile-71 mobile-72 mobile-73 mobile-74 mobile-75 mobile-76 mobile-77